24 maio

Dez delícias com café

por Renata Monti
Massa. Tiramisù rústico. Foto divulgação/Tomás Rangel

O Dia Nacional do Café é comemorado em 24 de maio. O Brasil é um grande produtor, com lotes premiados em todo o mundo. Para celebrar a data, nada melhor do que tomar um cafezinho, não é mesmo? E quem sabe provar algumas receitas com o grão, que vão desde o clássico tiramisù à invencionices como o “brownieccino”, uma mistura de brownie com cappuccino.

Quadrucci. Expresso on the rocks. Foto divulgação/Rodrigo Azevedo

Para quem pretende celebrar a data com um brinde, os drinques com café são um hit da coleção outono/inverno. No Rio, o talentoso Roberto Torres criou para a carta do Quadrucci, no Leblon, o “expresso on the rocks“, preparado vodca, frangélico, xarope de cardamomo com cravo da Índia e café expresso (R$ 33).

Alessandro e Frederico. Mocha café. Foto divulgação/Dhani B

No Meza Bar, em Botafogo, o drinque João Gato é inspirado na região Nordeste. A bebida, servida em uma garrafa de barro, traz cachaça Nega Fulô em infusão de café, licor de café, melaço de cana, limão e fumaça de canela (R$ 27).

Meza Bar. Drinque João Gato. Divulgação/André Rodrigues e Eduardo Muruci

Para quem quer se aquecer, o italiano Alessandro & Frederico, em Ipanema, aposta em misturas da terra da bota, como o caramel mocha, com caramelo artesanal, expresso, leite vaporizado e chantilly (R$ 9,50); o latte machiatto, expresso e leite cremoso, acompanhado de doce de leite da casa (R$ 9), e o mocha, ganache de chocolate, expresso e leite cremoso (R$ 9).

The Bakers. Cafés gelados. Foto divulgação

Na The Bakers, em Copacabana, há receitas criativas como o “brownieccino”, brownie derretido ao leite e café com chantilly (R$ 18,90); o “iced cappuccino”refrescante cappuccino decorado com chantilly (R$ 18,90); e os “coffeeshakes”, mix decafé com leite e gelo em sabores: chocolate, nutella, morango, amora ou damasco (R$ 18,90).

Fratelli. Tiramisù. Foto divulgação/Fábio Rossi

Quando se fala em doce com café, a imagem clássica é a do tiramisù, sobremesa italiana à base de biscoito champagne, café e mascarpone,  servida no Fratelli, no Leblon e Barra (R$ 33).

Pici. Tiramisù repaginado. Divulgação/Tomás Rangel

Mas há espaço para releituras, como no Massa, restaurante do chef Pedro Siqueira, no Leblon: a versão rústica, com base de bolo de café coberto por mascarpone caseiro e finos pedaços de chocolate (R$ 26). Já no Pici Trattoria, em Ipanema, o chef Thiago Berton prepara a iguaria com pão de ló molhado com calda de café, creme mascarpone e polvilhado de cacau moído (R$ 29).

Cacau Noir. Ganache de café. Divulgação

No chocolate, o café faz um casamento perfeito. Sabendo disso, a Cacau Noir apostou na ganache recheada com uma essência do grão (R$ 3,80). A produção é com cacau 100% brasileiro.

E quem disse que café não combina com hambúrguer? No Le Max Hamburgueria, no Centro do Rio, o milk-shake leva uma dose de café (R$ 14, 300ml e R$ 19, 500ml).

Le Max. Milkshake de capuccino. Divulgação/Tomás Rangel

Comentários